Os caminhos da enfermagem: de Florence à globalização

William Malagutti, Sonia Maria Rezende Camargo de Miranda

Resumo


Este artigo tem por objetivo mostrar a diversidade da atuação do enfermeiro no cenário da saúde nacional, desde o início da profissão até os tempos atuais. Reúne depoimentos e vivências de vários enfermeiros que atuam em diferentes segmentos. Com isso, podemos perceber a evolução do papel profissional cuja construção foi ancorada, em seu início, na religiosidade, obediência, submissão, ausência de autonomia, e não na especificidade de seu papel profissional, como se faz atualmente.

Descritores: Enfermagem, História da Enfermagem, Florence Nightingale, Globalização.

The ways of nursing: from Florence up to globalization

This article aims to show the diversity of nurses' performance in national health scene since the beginning of the occupation till today. It gathers testimonies and experiences of many nurses working in different segments. With this we can see the evolution of the professional role for which construction was rooted in its beginnings in religion, obedience, submissiveness, lack of autonomy, and non-specificity of their professional role as it does today.

Descriptors: Nursing, Nursing History, Florence Nightingale, Globalization.

Los caminos de la enfermería: de Florence hasta la globalización

Este artículo pretende mostrar la diversidad de los resultados de las enfermeras en la escena nacional de salud desde el inicio de la ocupación hasta la actualidad. Reúne testimonios y experiencias de muchas enfermeras que trabajan en diferentes segmentos. Con esto podemos observar la evolución de la función profesional para cuya construcción se basaba en sus inicios en la religión, la obediencia, la sumisión, la falta de autonomía, y la no especificidad de su función profesional, ya que en la actualidad.

Descriptores: Enfermería, Historia de la Enfermería, Florence Nightingale, Globalización.

Referências


Porto, F, Ott TR. Tributo a Anna Justina Ferreira Nery – pelos 130 anos do passamento. In: Malagutti W, Miranda SMRC. Os caminhos da enfermagem, de Florence à globalização. São Paulo: Phorte; 2010.

Nichiata LYI, Takahashi TF, Fracolli LA, Gryschek ALFPL. Relato de uma experiência de ensino de enfermagem em saúde coletiva: a informática no ensino de vigilância epidemiológica. Rev Esc Enferm USP. 2003.

Mott ML. Revendo a história de enfermagem no Estado de São Paulo 1890-1920. In: Malagutti W, Miranda SMRC. Os caminhos da enfermagem, de Florence à globalização. São Paulo: Phorte; 2010.

Notícias. Revista Médica de São Paulo. 1909;12(6):107.

Germano RG. A enfermagem do passado e do futuro: perspectivas e desafios do cuidar. In: Malagutti W, Miranda SMRC. Os caminhos da enfermagem, de Florence à globalização. São Paulo: Phorte; 2010.

North American Nursing Association. Diagnósticos de enfermagem da Nanda: definições e classificação – 2007-2008. Porto Alegre: Artmed; 2008.

Morais AM. Aspectos históricos, conceituais e funcionais da enfermagem do trabalho e sua relação com saúde ocupacional. In: Malagutti W, Miranda SMRC. Os caminhos da enfermagem, de Florence à globalização. São Paulo: Phorte; 2010.

Iyer PW, Taptich BJ, Bernocchi-Losey D. Processo e diagnóstico de enfermagem. Porto Alegre: Artes Médicas; 1993.

Garcia TR, Nóbrega MML. Processo de enfermagem e os sistemas de classificação dos elementos da prática profissional: instrumentos metodológicos e tecnológicos do cuidar. In: Santos I. São Paulo: Atheneu; 2004. p. 37-63.

Santos LAU. Assistência de enfermagem nos transplantes de tecidos musculoesqueléticos: da captação ao uso clínico. In: Malagutti W, Miranda SMRC. Os caminhos da enfermagem, de Florence à globalização. São Paulo: Phorte; 2010.

Araújo A. COAH: um parceiro para seu sucesso. São Paulo: Ed. Gente; 1999.

Feldman LB, organizadora. Gestão de risco e segurança hospitalar. Prevenção de danos ao paciente, notificação, auditoria de risco, aplicabilidade de ferramentas, monitoramento. São Paulo: Martinari; 2008. p. 376.

Feldaman LB. Gestão de riscos: novo campo de atuação para o enfermeiro. In: Malagutti W, Miranda SMRC. Os caminhos da enfermagem, de Florence à globalização. São Paulo: Phorte; 2010.

Case Management Caseload Data. Results of a national survey.[Internet]. [citado em 2005 Mai 28]. Disponível em: http://www.ahcpub.com/ahc_root_html/hot/archive/caseload_summary.pdf

Makdisse M, Santos BFC, Fernandes Jr CJ, Cendoroglo Neto M. Gerenciamento de doenças e casos em terapia intensiva. In: Knobel E. Condutas no paciente grave. 3ª ed. São Paulo: Atheneu; 2006. p. 1999-2005.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.